DNA Sul: A nova geração da moda gaúcha

uniritter-dna-sul-moda-desfile-aluno-2015-main

E aí, gente! Tudo certo?
Muita correria nesse final de ano, hein? Mesmo assim, escolhi esse momento para lançar o blog! Agora só preciso me esforçar para manter tudo andando! haha Vamo que vamo!

Hoje eu vou contar sobre o que rolou no evento da última quinta-feira, (dia 19) na UniRitter, (faculdade que pertence ao grupo Laureate) em Porto Alegre. Eu não sei vocês, mas sempre que surge uma cara nova em alguma área pela qual eu me interesso, já quero saber tudo sobre a figura! E, ao assistir o resultado incrível do desfile desenvolvido pelo alunos do curso de Design de Moda, eu já tenho alguns nomes novos para acompanhar.

organizacao-uniritter-dna-sul-2015_1

Logo de cara, a organização já impressionava. Apesar da tempestade que deixou o prédio A sem luz por alguns minutos, devido a  tempestade violenta que atingiu a capital, os geradores de energia salvaram a noite. Fotógrafos de prontidão, DJ com uma playlist dos melhores hits e familiares em furor. Sem contar o nervosismo dos estilistas novatos, alguns estreando na passarela pela primeira vez.

A proposta para a construção das peças era que cada aluno deveria ater-se à uma grife como referência. Ainda assim, todos os looks foram apresentados com muita personalidade. Cada vez que um modelo pisava no palco, saí­amos de uma atmosfera e entrávamos em uma nova, completamente diferente. Da ousadia do street fashion para a finesse dos mais lindos vestidos.

organizacao-uniritter-dna-sul-2015-leticia-sanches
Letícia Sanches

A pegada esportiva escolhida por Letícia Sanches, nos lembra o porquê das grandes grifes estarem apostado cada vez mais no sport wear e ganhando cada vez mais adeptos (euzinha aqui). A paleta de cores e jogo de zippers fez com que as peças fugissem do clichê e se tornassem peças curingas, perfeitas para o dia-a-dia.

uniritter-dna-sul-moda-desfile-aluno-2015-vanessa-dorneles
Vanessa Dorneles

Os gritos enlouquecidos para as peças da aluna Vanessa Dorneles, estavam cheios de inveja. O crop top recheado de rebites e a saia longa de cintura alta transparente impressionaram. O vestidinho de mangas bufantes foi uma releitura adorável aos longos da época feudal.

Laura Cohen

O contraste dos dois looks apresentados por Laura Cohen levou a plateia ao delírio. (o tênis completou perfeitamente o primeiro look) O total white com uma transparência pra lá de estratégica me fez babar. O segundo, também lindíssimo com uma pegada urban, me lembrou bastante última coleção do Kanye West, Adidas x Yeeze.

5
Luciana Frustockl

Para a alegria de todas as góticas suaves presentes, (me and bae) o look dark de Luciana Frustockl foi muito feliz. Com uma pontinha de moda praia carioca, e a outra no urban chic, fiquei na vontade de encomendar um para chamar de meu.

Wendyel Borin
Wendyel Borin

Não vou mentir. Se eu estava ansiosa para ver o trabalho de alguém, era o da, queridíssima, Wendyel Borin. Conheço a Wendyel desde que eu estava no primeiro ano do ensino médio e ela no segundo ano. Sempre foi uma menina que se destacava muito das outras. Criadora do tecido-doce, dona de um ladylike inconfundí­vel e de uma voz calma e muito suave, quase me confundiram com o mulherão de cabelo pixie que eu encontrei depois do desfile. É impossível dizer que esse blog existe sem qualquer influência daquela menina que eu encontrava nos eventos de anime de Porto Alegre. Acompanhando a trajetória dela, e a maneira como gostava de falar sobre moda no seu blog, com certeza, serviram de inspiração para eu construir esse espaço.

Espero que tenham gostado! Qual vocês mais gostaram? Usariam algum?
Me contem tudo nos comentários! Bjs

  • celestepich

    q